domingo, 5 de fevereiro de 2012

Diga-me com quem andas...

Postado por MissHachi7 às 23:44
  Apesar de aplicável à maioria das situações de que se tem notícia, "diga-me com quem andas e te direi quem és" foi simplesmente inútil por toda a minha vida. Quase ultrajante.
  Desde que comecei a frequentar a escola, fiz amigos "de todo jeito". Na primeira série, era amiga (amiga, mesmo; não considero meus colegas como amigos. Sinto, até hoje, arder minha alma quando minha mãe refere-se ao meu grupo da escola como "seus amiguinhos". Ó, ironia.) da menina mais doce, fofa e amigável e, ao mesmo tempo, de um garoto que acreditavam ser mudo (e não era), só por ele não falar com ninguém. Daí por diante, andei com "malas-sem-alça", patricinhas, nerds, populares, malvados, loucos (loucos de verdade; do tipo que roubam no UNO e contam que estão fazendo isso). Hoje, sou companheira sincera de escritores, músicos, palhaços, rockeiros, emos e poetas.
  O ditado não serve pra mim. Ou eu não sirvo pra ele, talvez. Não há como me definirem com base nas minhas companhias. Uma vez possível tal proeza, diriam-me "uma metamorfose ambulante". Um conjunto desarmônico de sinfonias, ou uma canção curta meio desafinada.
  Pode ser que essa seja minha definição, afinal. Um nada por ser tudo, ou um tudo por não ser nada em particular. É, gosto mais de mim assim.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Casa da Hachi Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review