quarta-feira, 20 de junho de 2012

A última carta

Postado por MissHachi7 às 22:34
 "  Paulo,  
       Não posso dizer que não sinto sua falta. Não estou tão bem quanto falei para os meus amigos que estava. Na verdade, penso que estou ainda pior do que da última vez em que você me viu. Sim, ainda pior do que aquele pedaço de ser humano que você vislumbrou no hospital. Não quero que se sinta culpado, mas também não quero continuar me sentindo como agora: cheia de um monte de pensamentos e emoções, sem poder sequer falar neles.
      Eu sei que parece absurdo dizer que estou pior agora, mas acredite, doía menos ter todas aquelas cicatrizes na minha pele do que ficar o dia todo, todos os dias, tentando cicatrizar feridas que nem eu mesma consigo ver. Aquele acidente pegou todo mundo de surpresa, não? Mas acho que fiquei mais assustada com o que você me disse do que com aquele carro na contra-mão.
      Ria comigo. Estou lidando melhor com a fisioterapia do que com o fato de você estar se casando. Prefiro uma hora dolorosa de movimentos repetidos a cinco minutos perto de alguém comentando sobre o quanto a sua noiva é linda. Primeiro, porque eu sei que ela é mesmo maravilhosa, segundo, porque era eu quem devia estar se casando com você. 
        Não estou te falando nada disso querendo que você sinta pena. Mas gosto de pensar que, sabendo de tudo o que eu ando sentindo, você compreenda por que eu não vou ao casamento, por que eu não quero encontrá-lo mais, e por que eu pedi para ser transferida para a filial de São Paulo. Ficar na mesma cidade que você me faz chorar. 
       Resumindo, eu estou bem, mas não ótima. Eu estou feliz por você estar feliz, mas não tanto quanto poderia. Eu te amo, mas não a ponto de suportar essa situação. Espero que você pare de pensar que foi sua culpa. Eu também não tinha visto o carro, e eu também fui responsável pelo "nós" que não deu certo.

Felicidades,
Anita."

0 comentários:

Postar um comentário

 

Casa da Hachi Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review