domingo, 28 de outubro de 2012

Não é amor, o que é?

Postado por MissHachi7 às 19:49

Tem tantas formas de sentir que são indescritíveis.

Por exemplo, como eu me sinto toda vez em que você vai embora. É uma mistura de alívio com tristeza que me confunde, e não se pode resumir em uma palavra só, uma expressão só, uma ideia só.
Eu nem sei aonde eu vou parar quando começo a caminhar por essa trilha de pensamentos.
Você me leva aos limites de tudo o que eu conheço, e tudo perde a forma, e eu não tenho parâmetros para me localizar com precisão a respeito de mim mesma.
Eu mal posso esperar para vê-lo de novo, afinal sempre é como uma inundação de luz no meu dia; no entanto, ao mesmo tempo eu sinto que estou morrendo quando estou ao seu lado, é um mundo diferente, é uma sensação diferente.
Algo no seu sorriso, nos seus olhos verdes. Malditos olhos verdes.
Eu nunca sei o que dizer, eu não sei sequer o que pensar. Se é que devo pensar. Alguém pensa quando se trata de amor?
Será apenas isso? Só amor? É algo tão imenso que não parece caber em amor...
O planeta inteiro dá voltas e eu não saio do lugar, é como esperar promessas de alguém que nunca ouviu falar de algo parecido.
Ah, eu gostaria de esticar os momentos em que estamos juntos e poder  cobrir a eternidade com eles.
Não sei o que faria se não fosse sempre encontrá-lo no amanhã. O dia seguinte me mantém viva.
Tudo o que eu conheço simplesmente poderia envelhecer comigo, e eu não precisaria de mais nada se você estivesse comigo. Por eras, pelos mundos, nunca mudaria.
É certo demais estar com você, não tê-lo por perto é sofrer, estar com você é difícil...
Eu vivo na tênue linha em que sua presença me é preciosa demais, em que você é demais a perder para eu ir embora, em que eu ficaria só e perdida sem você.
Há nome para isso?

0 comentários:

Postar um comentário

 

Casa da Hachi Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review