quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Grata

Postado por MissHachi7 às 23:45 0 comentários
   Tendo, nesta vida, recebido muito mais amor do que mereço, volta e meia acabo perdida em reflexões a respeito da minha dificuldade em reconhecer a dimensão desse presente divino; constantemente esqueço-me da bênção concedida a mim na forma de pessoas, e reclamo sofrer de falta de amor.
   Falta-me paciência para compreender os irmãos com dificuldades que por vezes sequer reconhecem possuir; falta-me coragem para enfrentar e analisar a sério as críticas que me encharcam em tempestades constantes e os impasses quais a vida, caridosa, sugere-me aos poucos; falta-me a fé para crer: meu tempo é, de fato, diferente do tempo de Deus. Falta-me muito na lapidação do espírito, sim. Mas que eu não alegue falta de amor.
   Noto, no meu dia-a-dia, oscilações flagrantes de ânimo, com vales afastando-me dos propósitos cunhados no Bem e para o Bem - e, reconheço, mesmo quando firme nesses propósitos, não sou tão firme quanto poderia ser. É sempre a abundância de amor que me auxilia na retomada da rota mais próxima da correta e tenta me alertar.
   Sendo assim, primo apenas por registrar: se reclamo de falta de amor, é da minha falta de AMAR. O carinho e bem-querer que me inundam, completam-me. Obrigada...
 

Casa da Hachi Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review